Não dá pra confiar

Não dá pra confiar em mim agora.

tense

Calma. Pode ser que daqui 10 minutos eu possa, ou só daqui 10 anos eu confie. Mas agora, nesse instante eu não confio. Ontem eu confiava que eu conseguiria, hoje já não acredito tanto.

A base da terapia é que eu aprenda a confiar em mim, que eu sou forte o bastante para aguentar as consequências das minhas escolhas, mas nem sempre eu confio. É inconstante, é instável.

Às vezes acontece, e é mágico. E aí eu consigo cruzar alguns limites, mas só até o medo me alcançar de novo. E como ele é rápido e insistente!

Mas volte amanhã, eu juro que o terei expulsado a vassouradas. Ou melhor, a ponta pés! E ai poderá me ver sorrindo mais, dando chance para o desconhecido, apertando a mão do futuro que está chegando. Mesmo que eu não saiba nada desse visitante, não terei medo.

mvbc23p

A quem eu quero enganar? Claro que terei medo do futuro… mas a diferença será que eu irei confiar em mim. E mesmo que eu erre não serei tão dura comigo, mesmo que eu me machuque não vou me sentir tão tola. É normal! Mesmo que doa.

E pensando melhor aqui, só para garantir, talvez quando voltar amanhã o medo ainda poderá estar impedindo a confiança de pousar nas minhas asas – não me deixe por isso. “Ontem eu confiava que eu conseguiria, hoje já não acredito tanto. É inconstante, é instável. “

a-love-song-for-bobby-long-finger-i9

 

Paz

 

 

TAG: Descobrindo novos blogs

Não morri, se querem saber.

giphy

Só me falta, as vezes, a coragem de espantar a preguiça! E como estou acumulando TAGs que me foram indicadas, vou começar por elas.

Hoje recebi um convite da Glenda do Meu Nome não é Gabriela para responder a TAG Descobrindo Novos Blogs, então aí vamos nós:

sem-titulo2

Regras:

Agradecer a quem te indicou, colocando o nome e o blog da pessoa que te indicou;
Responder as perguntas abaixo;
Indicar até 10 blogueiros para responderem a tag;
Avisá-los do convite;
Formular 10 perguntas para eles responderem.

Perguntas da Glenda:

1. Você tem um livro que mudou a sua vida?

Sim, e foi através dele que conheci uma das mulheres mais incríveis da nossa história: O Segredo de Frida Kahlo, Francisco Haghenbeck. Estou me preparando agora para ler a biografia de Frida.

2. Que música você escuta sem ninguém ver?

Gosto de pensar que estou sendo transgressora escutando Nego do Borel, só que não.

3. Se você pudesse ter a amizade de um personagem (ou pessoa famosa) qual seria e porquê?

Com certeza gostaria de ser amiga de Lena Dunham. Como já mencionei em um texto anterior, ela se permitiu ser totalmente aberta sobre suas experiências e sente orgulho delas. Por isso ela é uma das minhas divas.

4. Qual foi a decisão mais difícil que você já tomou?

Uma mudança de emprego.

5. Qual é o personagem de televisão (ou livro) que você simplesmente adora?

Mônica Geller. Na verdade vejo muito dela em mim rsrs.

tumblr_inline_mwbx71r4rk1qc9lhz

6. Qual foi a melhor viagem que você já fez?

Um cruzeiro até o nordeste com a minha mamis. Incrível! Foi um ótimo tempo que passamos juntas.

7. Qual seu filme preferido?

Uma Canção de Amor para Bobby Long, direção de Shainee Gabel. Trilha sonora maravilhosa, várias citações incríveis e uma história que incomoda e encanta ao mesmo tempo.

8. Qual foi a sua pior matéria na escola?

Física com certeza.

9. O que você faria se alguém lhe dissesse que você nunca vai ser algo na vida?

Me machucaria muito, mas com certeza iria querer provar o contrário.

10. Sua mãe lhe pede para ir à padaria, você dá o troco para ela ou fica para você?

Se eu vou a padaria ou ao supermercado, mesmo que para minha mãe, é por minha conta. Então o troco já é meu rsrs.

0096540dea0c892e22ee982a3c2817d9

Minhas perguntas:

  1. O que é o paraíso para você?
  2. Quantos livros já leu esse ano? Qual foi o preferido?
  3. De qual filme gostaria de fazer parte do elenco? Sendo qual personagem?
  4. Se pudesse, qual presente gostaria de dar aos leitores do seu blog?
  5. Diga uma música que marcou um momento (bom ou ruim).
  6. Se tivesse um poder sobrenatural, qual seria? Por quê?
  7. Neste momento: comprar uma bicicleta ou um apê?
  8. Qual a frase ou bordão que você mais gosta de citar?
  9. Como imagina o relacionamento ideal?
  10. Você ainda tem fé em nós, humanidade, ou não estamos merecendo?

Blogs que indico:

 

Paz.

Não me rotula, não!

Tenho uma necessidade de me definir… é o mesmo que rotular?

Cachorros Fumantes

rotulos

As pessoas parecem que precisam estar agrupadas, classificadas. É como torcida de futebol, ninguém escapa. Mas eu não sou assim, não, e não é só para ser diferente. Sou apenas eu, não me rotula, não!

Não sou pagodeiro. Não sou gótico nem roqueiro. Não sou branco nem preto. Nem do condomínio chique nem do gueto. Não sou muçulmano, americano, budista nem nazista.

Não sou PT nem PSDB. Não sou vasco nem mengo, nem praia nem campo. Sou quem? Apenas um homem, um homem de bem. (Mike)

(por Mike)

Foto: Reprodução/neife.com.br

Somos um grupo secreto. Nosso objetivo é, secretamente, contribuir para fazer do mundo um lugar melhor. Somos todos personagens alter-egos do jornalista Rodrigo Rezende e mais algumas coisas. Para falar com ele, mande um e-mail para papelvegetall@hotmail.com

Ver o post original

Manda nudes!

_ Então, depois daquele dia ela nunca mais falou com você?
_ É, basicamente isso.
_ E o que você fez pra ela fugir?
_ Nada demais, ela pediu um nudes e eu mandei um poema.
_ Que porra tu tava pensando ao mandar poesia pra ela?
_ Ora! Ela num queria me ver nu? Então, não existe lugar algum em qu’eu fique mais despido que um poema.

(Gonzaga Neto)

Retirado do Facebook do Heder Novaes

Paz

Plantar pássaros

Preciso compartilhar isso.

passaro-pega-semente-grao-em-comedouro-1329164576561_615x300

O texto “Plantar Pássaros” me tocou muito e quero que vocês também tenham acesso. Foi escrito por Diego Engenho Novo em seu blog Palavra Crônica. Ele em parceria com a numeróloga Lúcia Rosa tentaram descobrir qual é a crônica perfeita pra cada signo. Acredito muito que a energia do Universo influencia nossos humores e personalidades, pois já que o céu influencia os mares por quê não nos influenciaria também?

O texto para o meu signo, Peixes, me fez pensar e acho que independente do signo a mensagem tem que ser absorvida por todos. Que não tentemos mudar as pessoas que amamos para adequá-las a nossa vontade, a sua felicidade pode não ser a de outra pessoa. Se a quer por perto, apenas aceite-a e viva a sua presença.

Essa conversa com Gualter me lembrou uma antiga canção basca que adoro: “Eu me apaixonei por um pássaro. Eu queria cortar as suas asas para que ele nunca me deixasse, mas ele não seria mais o pássaro por quem me apaixonei”.

Leia o texto completo.

Para ler a crônica do seu signo acesse aqui.

Paz

Impressões de Leitura: A GAROTA NO TREM

Vamos falar sobre achar que a vida dos outros é melhor que a nossa.

Garota no Trem

Terminei de ler mais um livro maravilhoso: A Garota no Trem, de Paula Hawkins. Um livro de suspense psicológico, muito envolvente e que está fazendo um sucesso enorme. Tanto que vai virar um filme!

Um dos fatos que me chamou atenção na história é que realmente o ser humano pode ser muito complexo e difícil de julgar. Até que ponto vai o certo e começa o errado? Quem pode medir quão suportável é a dor do outro? O quanto a fantasia pode nos distanciar da realidade sem que percebamos? Todas essas perguntas me sugiram durante essa leitura, mas a resposta ainda é muito obscura.

Os personagens me fizeram sentir raiva, ódio, pena e empatia por cada um deles e ao mesmo tempo, pois é isso que somos, uma mistura de duas partes: da maldade e da bondade, da razão e da emoção, do consciente e do inconsciente. Não dá pra separar, mas é fato que algumas vezes uma dessas partes se sobressaem, seja para o lado bom ou ruim.

Mas o que mais me chamou atenção não foi só essa ambiguidade humana, mas sim como temos a capacidade de diminuir nossas experiências e tudo o que conquistamos na vida, todos os ensinamentos que ganhamos com os tombos que levamos, para enaltecer a vida alheia. Olhamos através de uma janela fictícia para dentro da vida do outro e criamos uma imagem nada real, e desejamos trocar nossas experiências e tudo o que temos para viver essa fantasia. Mas a história de A Garota no Trem mostra que se sairmos da janela e abrirmos a porta da realidade vamos entender que todo mundo tem seus segredos, suas tristezas e dificuldades. Nada, simplesmente nada, é perfeito.

Eu recomendo muito essa leitura pois é uma história que prende muito a atenção e te instiga a tentar descobrir o que ocorreu, juntando as pistas dadas em certas situações durante a leitura. Dessa vez eu consegui decifrar o mistério um pouco antes de ser revelado! Ponto para mim.

Paz